Comissão avalia riscos estruturais da Rodoviária de Macaé

2019-02-07 17:33:00 - Jornalista: Assessoria Gabinete do Prefeito
Compartilhe:  
Foto: Eduardo Damázio
A visita à Rodoviária fechou o primeiro cronograma de inspeções, iniciado na terça-feira

Na terceira etapa de inspeções, realizadas nesta quinta-feira (7), a Comissão Especial de Verificação e Vistoria avaliou riscos estruturais no pátio de embarque e desembarque de passageiros, nos sanitários, guichês das empresas de transporte e nas lanchonetes situadas dentro da Rodoviária de Macaé.

Agentes da Defesa Civil e fiscais da Vigilância Sanitária e da Secretaria municipal de Ambiente e Sustentabilidade vistoriaram as principais instalações do espaço. Os registros fotográficos e anotações farão parte de relatórios que serão apresentados e avaliados em reunião da Comissão, agendada para esta sexta-feira (8).

As condições ruins de higiene dos dois banheiros da Rodoviária chamaram a atenção dos fiscais da Vigilância. De acordo com o responsável pelo local, a Companhia de Desenvolvimento Rodoviário e Terminais do Estado Rio de Janeiro.(CODERTE) já fez o levantamento sobre a necessidade de reforma dos sanitários. O projeto ainda depende de licitação para ser executado.

Os três guichês de empresas de transporte e as seis lanchonetes também passaram por inspeção. A equipe da Secretaria de Ambiente fez anotações sobre o processo de descarte de resíduos, outro ponto considerado como de risco.

Já os agentes das secretarias municipais de Ordem Pública e de Mobilidade Urbana avaliaram o impacto da circulação dos coletivos do transporte intermunicipal, no trânsito na área central da cidade.

A visita à Rodoviária fechou o primeiro cronograma de inspeções planejado pela Comissão, em reunião realizada no último dia 30. Na quarta-feira (6), a equipe esteve no HPM. E na terça (5), o trabalho foi iniciado no Shopping Plaza Macaé.

No encontro desta sexta, os representantes das secretarias que integram o grupo de trabalho, criado a partir do decreto assinado pelo prefeito Dr. Aluízio no último dia 29, irão definir a nova sequência de visitas a prédios públicos e privados que registram a circulação de mil pessoas diariamente, ou que concentram 500 pessoas ou mais.

Busca

Acesso Rápido

Destaque