Prefeitura Municipal de Macaé

Comunicado oficial - Febre Amarela

2017-03-16 16:24:00 - Jornalista: Equipe Secom
Compartilhe:  
Foto da vacina de febre amarela
Foto: Rui Porto Filho
Vacina contra a febre amarela será aplicada em toda a população, observada as contraindicações

A Prefeitura de Macaé informa que suspendeu às 16h desta quinta-feira (16) a vacinação contra a febre amarela, retomando às 22h, ininterruptamente, até que toda a população, observada as contraindicações, esteja vacinada.

Atenção aos postos de vacinação:

Pronto Socorro do Aeroporto

R. Curunhango, 46 - Parque Aeroporto

24h - 7 dias da semana

Pronto Socorro Municipal

R. Américo Peixoto, 310 – Imbetiba

24h - 7 dias da semana

Unidade de Pronto Atendimento da Barra (UPA-Barra)

Avenida Amaral Peixoto S/N° - Barra de Macaé

24h - 7 dias da semana

Unidade de Pronto Atendimento do Lagomar

Avenida José Ferreira Machado S/N° - Lagomar

24h - 7 dias da semana

Hospital Público Municipal – HPM

Rodovia RJ 168 - Km 4, S/N - Virgem Santa

24h - 7 dias da semana

Região Serrana

Todas as unidades de Estratégia Saúde da Família - Sana, Frade e Bicuda

7h às 17h de segunda a sexta

Hospital Público do Trapiche - 24h

7 dias da semana

Observações:

Não é necessário apresentar documento, mas quem tiver carteira de vacinação, o ideal é levar.

As pessoas que já estavam agendadas na Casa da Vacina permanecem com o atendimento para o dia marcado. Não haverá novos agendamentos.

O Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas não será local de vacinação como informado inicialmente.

Quem não pode tomar a vacina - Para a ação de bloqueio que está sendo implementada pela Secretaria Estadual de Saúde, as contraindicações são para: gestantes, mulheres que estejam amamentando, pessoas com alergia a algum componente da vacina e alergia a ovos e derivados; pessoas com doença febril aguda, com comprometimento do estado geral de saúde; ou ainda pacientes com doenças que causam alterações no sistema de defesa (nascidas com a pessoa ou adquiridas), assim como terapias imunossupressoras - quimioterapia e doses elevadas de corticosteroides, por exemplo; indivíduos portadores de Lúpus Eritematoso Sistêmico ou com outras doenças autoimunes; pacientes que tenham apresentado doenças neurológicas de natureza desmielinizante (Síndrome de Guillan Barrè, ELA, entre outras) no período de seis semanas após a aplicação de dose anterior da vacina; pacientes transplantados de medula óssea; pacientes com histórico de doença do Timo; pacientes portadores de HIV; crianças menores de nove meses de idade, crianças menores de dois anos de idade que não tenham sido vacinadas contra febre amarela não devem receber as vacinas tríplice viral ou tetra viral junto com a vacina contra Febre Amarela, neste caso o intervalo entre as vacinas deve ser de 30 dias.

Detalhes estão disponíveis em: www.saude.rj.gov.br/noticias/2017/01/febre-amarela-saiba-quem-deve-se-vacinar

Busca

Acesso Rápido

Destaque